Pular para o conteúdo Pular para a barra lateral do Vá para o rodapé

Unesp – Com Bob Marley, Bíblia e muita interpretação, prova da Unesp é considerada difícil por professores

Com questões envolvendo Bob Marley e conhecimentos bíblicos, a prova de liguagens e códigos da segunda fase da Unesp (Universidade Estadual Paulista) foi considerada exigente por professores de cursinhos ouvidos pelo UOL Vestibular. Segundo eles, tanto as questões de inglês, quanto as de português cobravam muita interpretação.

A redação teve como tema “O futuro do livro” e foi elogiada pelos professores. “Foi um tema bastante pertinente e o aluno contou com o apoio de bons textos”, disse a professora de redação do curso Objetivo, Maria Aparecida Custódio. Segundo ela, o perigo era o candidato fazer uma apologia aos livros e esquecer de se posicionar sobre o futuro deles na era digital.

Para o professor do Etapa, Heric José Palos, a obviedade do assunto faz com que a argumentação seja mais importante: “Falar sobre o comum acaba sendo mais difícil”, comenta.

Veja os comentários sobre as questões de português e inglês:

Portugês

Para a professora de português do Objetivo, Elizabethe de Melo, a prova estava difícil e cobrava muitos conhecimentos extra-curriculares. Ela cita como exemplo as questões que usavam como base um poema de Mário Faustino: “É um poema que mistura mitologia e assuntos bíblicos, se o aluno não tivesse conhecimento da Bíblia ele não responderia algumas questões”, afirmou.

A professora avalia o exame como mais complicado do que o do ano passado.”Foi uma prova inteligente e bem feita, mas não foi fácil para o aluno”, disse. O professor Palos concorda: “Estava mais exigente do que costuma ser. Avaliou conhecimento, domínio de texto e capacidade redacional. Não tinha decoreba”, disse o professor do Etapa.

Segundo ele, as questões não estavam difícies, mas bem elaboradas. “Os textos foram bem escolhidos, exigiam atenção e concentração, mas não era nada de outro mundo”, completou. Ele também cita a pergunta envolvendo o poema como mais complexa.

Inglês

A prova de inglês usou como apoio um trecho de uma biografia do cantor de reggae Bob Marley e uma de suas músicas, One Love. “Acredito que pelos trinta anos da morte do Bob Marley eles resolveram fazer uma prova com esse tema. Para o aluno responder, mesmo que em português, ele tinha que ter um bom conhecimento, principalmente em vocabulário”, afirmou o professor de inglês do Etapa, Alahkin Barros Filho.

Barros considerou a prova difícil, principalmente as perguntas envolvendo a música: “Com músicas e poesia, o aluno além de vocabulário tem que saber interpretar. Essa parte foi mais difícil, ou melhor, exigente”.

Para Regina Azevedo, professora do Objetivo, as questões eram “puramente interpretativas e exigiam uma resposta mais elaborada”. Ela disse que apenas em uma pergunta o aluno só precisava traduzir trechos do texto: “Era tão simples que você olhava e ficava pensando se era isso mesmo”.

A professora acredita que para ir bem no exame o aluno deveria ter um nível de médio para superior.

Fonte: Unesp Online

Mostrar ComentáriosFechar Comentários

Deixe um comentário