Pular para o conteúdo Pular para a barra lateral do Vá para o rodapé

Uma Fatec e quatro Etecs

 

O governador em exercício Alberto Goldman assinou na sexta-feira, 19, decretos de criação de uma Faculdade de Tecnologia (Fatec) em Barueri e quatro Escolas Técnicas Estaduais (Etecs), localizadas nos municípios de Mogi Guaçu, Poá e São Paulo (duas escolas).

A implantação das novas unidades concretiza mais uma etapa do maior Plano de Expansão da Educação Profissional, uma das prioridades do Governo. Agora o Estado conta com 48 Fatecs e 162 Etecs, distribuídas por 134 cidades paulistas.

O Plano foi elaborado pelo Centro Paula Souza em conjunto com a Secretaria de Desenvolvimento.

A proposta do Governo é chegar a 52 Fatecs em 2010. A recém-criada Fatec de Barueri participa do Vestibular para o 2º semestre de 2009, oferecendo 80 vagas divididas entre os períodos da tarde e da noite, para o curso de Comércio Exterior. À noite, a procura foi de 9,23 candidatos por vaga.

A prova do vestibular será neste domingo, 28. A prefeitura do município construiu o prédio onde vai funcionar a unidade. O valor do investimento inicial do Estado para compra de mobiliário e equipamento para a Fatec de Barueri é de R$ 500 mil.

As quatro Etecs serão implantadas nos seguintes municípios:

Mogi Guaçu

Localizada na região administrativa de Campinas, que já conta com 27 Etecs, a nova escola será implantada em 2010. Além do Ensino Médio, a unidade deve oferecer quatro cursos técnicos: Automação Industrial, Contabilidade, Eletrotécnica e Logística. Inicialmente o Estado vai investir cerca de R$ 500 mil na compra de mobiliário e equipamento. A Prefeitura vai construir o prédio.

Poá

A mais recente Etec da região metropolitana de São Paulo participou do 1º Vestibulinho para o segundo semestre de 2009 oferecendo 200 vagas para três cursos técnicos: Administração, Informática e Informática para Internet. O curso de Administração no período noturno teve uma procura de 10,28 candidatos por vaga. A prova foi realizada no domingo, 21. Em 2010, a escola deve implantar o Ensino Médio. A Prefeitura construiu o prédio, enquanto o Estado investiu na compra de mobiliário e equipamentos.

São Paulo

Com as duas unidades, a Capital passa a ter 26 Etecs. As novas escolas estão sendo construídas pelo Governo em terreno cedido pela Prefeitura, ao lado de Centros Educacionais Unificados (CEUs).

Etec Parque Santo Antonio

No Vestibulinho para o próximo semestre, cuja prova também aconteceu no domingo, 21, a escola ofereceu 320 vagas distribuídas entre quatro cursos técnicos: Administração, Eletrônica, Farmácia e Informática. Em 2010, a unidade deve implantar também o Ensino Médio. Além da compra de mobiliário e equipamentos, o Estado investiu R$ 11,3 milhões na construção do imóvel.

Etec de Tiquatira

A nova Etec participou do 1º Vestibulinho para o segundo semestre de 2009, oferecendo 200 vagas para os cursos técnicos de Informática, Modelagem do Vestuário e Química. Para o próximo ano, está prevista a implantação do Ensino Médio no período da manhã. Para a construção do prédio, o Governo investiu cerca de R$ 11,5 milhões. Houve também investimento inicial de R$ 500 mil em mobiliário e equipamentos.

 

Mostrar ComentáriosFechar Comentários

Deixe um comentário