Pular para o conteúdo Pular para a barra lateral do Vá para o rodapé

Quanto ganha um Nutricionista em São Paulo?

O Nutricionista é um profissional de nível superior que trabalha na área da saúde. Sua atuação pode se dar na prescrição de dietas, avaliação e tratamento de carências nutricionais, prevenção e tratamento de doenças ligadas à alimentação e outras atividades relacionadas à nutrição humana.

 

Os profissionais da nutrição encontram um mercado de trabalho aquecido, que vem crescendo sem parar há mais ou menos duas décadas. Se por um lado as pessoas vêm se preocupando mais com o que ingerem, por outro a indústria de alimentos vem contratando nutricionistas não apenas como responsáveis técnicos e avaliadores das qualidades nutricionais, mas também como consultores para ações de marketing e vendas.

 

Apesar de bastante competitivo, o Estado de São Paulo oferece oportunidades interessantes para nutricionistas, sobretudo em áreas como a nutrição hospitalar e esportiva.

 

Descubra quanto ganha um Nutricionista em São Paulo e veja algumas das principais universidades reconhecidas pelo MEC que oferecem esta graduação em SP!

 

 

Piso Salarial de Nutricionista em São Paulo

Não existe um piso salarial único para nutricionistas com validade em todo o Estado. O Sindicato dos Nutricionistas do Estado de São Paulo (SINESP) firma acordos salariais e convenções coletivas com outras entidades que representam trabalhadores de determinados estabelecimentos. De forma geral, o piso fica por volta de R$ 2 mil.

 

Veja alguns exemplos de pisos salariais para nutricionistas de acordo com os sindicatos:

  • Indústria (FIESP): R$ 2.180
  • Comércio (FECOMERCIO): R$ 2.180
  • Hospital e Clínica (SINDHOSP): R$ 2.280
  • Refeições Coletivas (SINDERC): R$ 1.972 a R$ 2.350
  • SINDHOSFIL – Santa Casa e Entidades Filantrópicas: R$ 2.060 (Grande São Paulo) e R$ 2.011 (Interior e Litoral)
  •  SINBFIR: R$ 2.257

Nem todos os nutricionistas trabalham como empregados. Aqueles que atuam como consultores ou autônomos podem usar como referência a Tabela de Honorários da Federação Nacional dos Nutricionistas (FNN). O material tem itens como:

  • Consulta em Nutrição Clínica Domiciliar: R$ 146
  • Consulta em Nutrição Clínica: R$ 97
  • Consulta-Convênio (Planos de Saúde): R$ 48
  • Hora Técnica em Escolas de Educação Infantil: R$ 73
  • Hora Técnica em Instituição de Longa Permanência para Idoso: R$ 73
  • Hora técnica: R$ 73
  • Manual de Boas Práticas R$ 2.201
  • Palestras na Área de Nutrição: R$ 293/hora
  • Piso Nacional de Referência (para 44 horas semanais): R$ 1.966
  • Rotulagem de Alimentos: R$ 489 (o lote inicial)
  • Tratamento em Nutrição Clínica Domiciliar Mensal: R$ 293
  • Tratamento em Nutrição Clínica Mensal (4 consultas por mês): R$ 195
  • Treinamento em Nutrição e Dietética: R$ 146/hora

 

Média Salarial de Nutricionista em São Paulo

Um nutricionista ganha em média R$ 2.248 em São Paulo, segundo levantamento do Guia de Profissões e Salários da Catho. Os salários registrados pela pesquisa vão de R$ 1.697 a R$ 2.920.  

 

O salário dos profissionais de nutrição varia de acordo com a região de atuação, o tipo de empresa, a qualificação, o tempo de experiência e o cargo ocupado.

 

Seguem alguns exemplos de salários pagos a nutricionistas em São Paulo de acordo com a Catho:

 

Estagiário de Nutrição

Menor: R$ 600

Média: R$ 781

Maior: R$ 1.000

 

Nutricionista Clínico

Menor: R$ 1.800

Média: R$ 2.270

Maior: R$ 2.900

 

Nutricionista de Produção

Menor: R$ 1.820

Média: R$ 2.217

Maior: R$ 2.800

 

Nutricionista Comercial

Menor: R$ 2.176

Média: R$ 2.320

Maior: R$ 2.554

 

Supervisor de Nutrição

Menor: R$ 2.200

Média: R$ 2.482

Maior: R$ 3.200

Gerente de Nutrição

Menor: R$ 3.500

Média: R$ 3.717

Maior: R$ 4.000

 

 

Concurso Público para Nutricionista em São Paulo

O Nutricionista pode trabalhar como funcionário público na esfera municipal, estadual ou federal, ocupando posições em hospitais, unidades de saúde, órgãos fiscalizadores e universidades, entre outros.

 

Conheça alguns exemplos de concursos recentes e a remuneração oferecida para nutricionistas em São Paulo:

  • Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina (SPDM): R$ 4.214 (40 horas semanais)
  • Prefeitura de Paulistânia: R$ 2.057 (40 horas semanais)
  • Prefeitura de Ipeúna: R$ 2.106 (40 horas semanais)
  • Prefeitura de Nova Europa: R$ 1.818 (30 horas semanais)
  • Prefeitura de Ourinhos: R$ 2.492 (30 horas semanais)
  • A Fundação de Desenvolvimento da UNICAMP (Funcamp): R$ 2.721 (40 horas semanais)
  • Fundação para o Desenvolvimento Médico e Hospitalar de São Paulo (Famesp): R$ 2.280 (40 horas semanais)
  • Universidade Federal de São Carlos (UFSCar): até R$ 3.666 (dependendo da qualificação)

 

 

Sobre a Carreira do Nutricionista                          

Somente profissionais com nível superior e devidamente registrados no Conselho Regional de Nutricionistas (CRN) podem trabalhar como nutricionistas. A profissão é regulamentada e para conseguir o registro profissional é obrigatório ter o diploma de Nutrição em curso superior reconhecido pelo MEC.

 

Além de empreender sua própria clínica ou consultório e atuar como consultor independente, o Nutricionista encontra oportunidade de emprego em:

  • Restaurantes Industriais
  • Clubes Desportivos
  • Indústria Alimentícia
  • Institutos de Pesquisa
  • Clínicas
  • Hospitais
  • Saúde Pública
  • Órgãos Públicos
  • Universidades

São Paulo é o estado com a maior quantidade de nutricionistas do País. De acordo com o Conselho Federal de Nutricionistas (CFN), existem cerca de 100 mil nutricionistas registrados no Brasil, sendo que mais de 27 mil atuam em SP.

 

Onde estudar Nutrição em São Paulo?

Veja algumas das principais universidades reconhecidas pelo MEC que oferecem o curso de Nutrição em São Paulo:

 

Privadas:

Públicas:

Veja também:

Faculdades em SP

Mostrar ComentáriosFechar Comentários

Deixe um comentário