Pular para o conteúdo Pular para a barra lateral do Vá para o rodapé

FGV e USP

 

Um levantamento publicado na edição de junho da revista AméricaEconomia apontou as melhores escolas de negócios da América Latina. Entre as 48 faculdades listadas no ranking, produzido anualmente pela publicação, cinco são brasileiras.

A Escola de Administração de Empresas de São Paulo (FGV-Eaesp) aparece na quarta posição, atrás apenas do Instituto Tecnológico Autónomo de México (Itam), do Icae da América Central (com sede na Costa Rica) e da escola de negócios chilena da Universidad Adolfo Ibáñez.

Virtualmente empatada com as três faculdades que lideram a lista, FGV-Eaesp destacou-se nos quesitos produção difusão de conhecimento e estabelecimento de conexões acadêmicas globais. Corpo docente de alta qualidade e formação de redes de alunos também foram critérios de avaliação considerados no estudo, que está na sua 14ª edição.

A segunda escola de negócios brasileira mais bem colocada é a Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo (FEA), que ficou com o 12º lugar. Com 99 professores na área de administração, a FEA obteve 80,3 no índice que diz respeito à qualidade docente.

Além dessas, outras três instituições brasileiras aparecem no ranking: FGV-Ebape (22º), BSP (35º) e BBS (48º).

 

Mostrar ComentáriosFechar Comentários

Deixe um comentário