Pular para o conteúdo Pular para a barra lateral do Vá para o rodapé

Ensino a Distância na Poli

 

Até o dia 8 de julho estarão abertas as inscrições para o treinamento de Higiene Ocupacional, que é oferecido pelo Programa de Educação Continuada (PECE) da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (Poli-USP). Único do gênero no Brasil ministrado à distância, o treinamento é dirigido para profissionais de nível superior com interesse nas áreas de saúde, segurança e qualidade de vida no trabalho, e visa formar profissionais aptos a desenvolver ações de prevenção e proteção ao trabalhador.

Com um total de 390 horas/aula, realizadas ao longo de um ano, o treinamento é dividido em 13 disciplinas que abordam todos os agentes físicos, químicos e ergonômicos que podem afetar a saúde do trabalhador, a legislação pertinente, além de métodos de estratégia de amostragem, avaliação e controle. Uma das disciplinas visa familiarizar e sensibilizar os estudantes sobre os riscos mais relevantes, bem como o seu gerenciamento e controle, em segmentos industriais específicos: petroquímico, elétrico, construção civil, vidreiro, químico, mineração, telecomunicações, farmacêutico, siderúrgico e metal-mecânico (montadoras).

Segundo o professor Ricardo Metzner, que apresenta os riscos e desafios da construção civil nessa disciplina, boa parte dos exemplos dados em sala de aula também se aplica a outros ramos de atividades. “Isso proporciona ao aluno parâmetros para que ele possa identificar riscos em situações similares”, diz. É o caso do trabalho em espaço confinado. “Na construção civil, pode ser a escavação de um poço ou o trabalho em uma vala; em outras áreas, a manutenção de um tanque, por exemplo.” A importância desta disciplina, diz Metzner, é justamente sensibilizar o aluno para os problemas mais comuns, mostrando a importância da adoção de medidas preventivas.

O treinamento em Higiene Ocupacional possui uma metodologia de ensino à distância que foi testada e aprovada por empresas como Vale, Odebrecht e Petrobras. Além de apostilas elaboradas por professores da USP, por pesquisadores da Fundacentro e renomados consultores da área de higiene e segurança, o conteúdo disponibilizado na internet é igual ao de uma aula presencial. Porém, é apresentado por meio de ferramentas adequadas à web, tais como filmes-resumo (com os destaques dos pontos mais importantes de cada aula), testes online (que estimulam a memorização), questionários (que valem nota) e fórum e chats (para tirar dúvidas com tutores, docentes e compartilhar informações com colegas).

Ao ingressar no treinamento, o aluno também tem acesso a uma ferramenta inovadora de ensino: o Laboratório Virtual – um software que simula a utilização de equipamentos de medição de temperatura, ruído, iluminação, vibração, ventilação e gases.

As inscrições para o treinamento de Higiene Ocupacional podem ser feitas até o dia 8 de julho pelo site da Poli. O valor é de 13 parcelas de R$ 727,00 (inclui material didático). As aulas terão início no dia 3 de agosto de 2009. Mais informações: [email protected] ou (11) 2106-2400.

 

Mostrar ComentáriosFechar Comentários

Deixe um comentário