dcsimg

Vestibular em

Descubra tudo sobre o FIES em SP

São Paulo é o estado do país com maior oferta universitária. Mas a grande maioria das faculdades é particular, ou seja, é preciso pagar mensalidades muitas vezes bem salgadas.

A boa notícia é que nos últimos anos o governo vem trabalhando com programas de incentivo à educação superior. Um deles é o FIES, que no estado de São Paulo está presente em faculdades de mais de 150 municípios.

Os quatro cantos de SP estão cobertos pelo programa: de Presidente Prudente a Santos, de São José do Rio Preto a Sorocaba, passando por pequenas cidades do interior como Itapeva, Santa Fé do Sul, Rancharia e dezenas de outras.

Não perca a oportunidade de saber mais sobre o FIES: o que é, como funciona esse programa em SP, as faculdades que você pode fazer e os cursos disponíveis. Confira tudo isso agora!

O que é o FIES?

FIES é a sigla para o Fundo de Financiamento Estudantil, programa criado pelo Governo Federal em 1999 para ampliar o acesso ao ensino superior no país.

O FIES arca com parte das mensalidades durante a faculdade. A dívida adquirida só começa a ser paga depois da formatura, com prazo para quitar o saldo e juros bem abaixo do mercado.

O programa é voltado para alunos de baixa renda. Para conquistar o benefício, além de se encaixar nos critérios socioeconômicos, é preciso apresentar um bom desempenho no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). 

Como o FIES funciona em SP?

São Paulo é um dos estados com mais faculdades participantes do FIES. O mecanismo do programa em SP é o mesmo de todo o Brasil. Funciona assim:

Primeiro, você tem que saber se preenche os requisitos de renda. A renda familiar bruta mensal não pode ultrapassar cinco salários mínimos por pessoa, em alguns casos (existem três modalidades de contrato, aplicadas segundo o perfil socioeconômico do estudante). Mas fique de olho: cada edição do processo seletivo pode ter uma faixa de renda diferente.

Verifique também se você tem nota suficiente no Enem para participar do programa. Em edições recentes, para se inscrever foi exigido o desempenho de pelo menos 450 pontos na média geral das provas e mais do que zero na redação. Valem as edições do Enem a partir de 2010.

Se você se encaixa nos requisitos, pode se preparar se inscrever. O processo é gratuito e deve ser realizado pela internet, no site do FIES. O sistema é simples e basta ir completando os dados solicitados.

Fique bem atento às datas de inscrição, que abrem duas vezes ao ano, geralmente em fevereiro e em julho, pouco antes do início das aulas. O período para se inscrever costuma ser curto: começa em uma terça-feira e termina na sexta.

Os resultados saem logo na segunda-feira seguinte. Essa primeira lista corresponde aos pré-aprovados. Caso seu nome seja chamado, você tem que continuar o processo fazendo o cadastro em outro sistema, o SisFies, também pela internet.

Se tudo der certo e sua aprovação for confirmada, é hora de juntar todos os documentos e fazer a validação, presencialmente, na instituição de ensino.

Por último, você deve ir ao banco para assinar o contrato. Depois, é só esperar as aulas começarem e fazer sua faculdade com essa super ajuda!

É importante ressaltar que o FIES vem sofrendo ajustes. Por isso, as regras não são fixas e podem ocorrer alterações a cada nova edição. O melhor mesmo é estar sempre ligado no site do programa e conferir o edital do semestre em que você vai se inscrever.

Existe algum impedimento para participar do FIES?

Sim. Alguns fatores fazem com que o interessado não possa se inscrever no programa. Por exemplo: quem já foi beneficiário do FIES não pode voltar a participar. Quem está utilizando bolsa integral do ProUni também está impedido de usar o FIES.

Estar com a matrícula da faculdade trancada também impossibilita a participação, assim como ter alguma dívida com o Programa de Crédito Educativo (PCE/CREDUC).

E, claro, quem não cumpre os requisitos de renda e de notas mínimas do Enem não poderá se inscrever no programa.

Faculdades que participam do FIES em São Paulo

O número de faculdades do estado de São Paulo que participam do FIES é enorme. A lista definitiva de cada edição deve ser conferida no site do programa durante o período de inscrições, já que podem ocorrer variações de semestre a semestre.

O bom é que o simples fato de participar do FIES já indica que a instituição obedece aos critérios de qualidade do Ministério da Educação (MEC), que avalia as faculdades quanto ao seu projeto pedagógico, infraestrutura e currículo dos professores. Então, se está no FIES é porque é uma boa faculdade, com diploma válido em todo o Brasil.

Muitas instituições vêm participando há anos de todas as edições do FIES no estado de São Paulo. Algumas das mais tradicionais são:

Nelas, além do FIES você vai encontrar facilidades como: bolsas de estudos, financiamento privado, descontos e convênios.

Que cursos posso fazer pelo FIES?

Assim como acontece com as faculdades, a lista definitiva de cursos disponíveis em São Paulo a cada edição deve ser verificada no site do FIES durante o período de inscrições.

O que podemos adiantar é que o número de cursos é muito grande e abrange as áreas das Ciências Exatas, Humanas e Biológicas e os graus de bacharelado, licenciatura e tecnológico.

Veja alguns cursos que tradicionalmente são oferecidos pelas faculdades de SP participantes do FIES:

  • Administração
  • Análise e Desenvolvimento de Sistemas
  • Automação Industrial
  • Biologia
  • Biomedicina
  • Ciências Sociais
  • Design Gráfico
  • Direito
  • Educação Artística
  • Educação Física
  • Enfermagem
  • Engenharia Civil
  • Engenharia Elétrica
  • Estética e Cosmética
  • Farmácia
  • Filosofia
  • Fisioterapia
  • Geografia
  • Gestão Comercial
  • Gestão da Tecnologia da Informação
  • Gestão de Recursos Humanos
  • História
  • Informática
  • Jogos Digitais
  • Jornalismo
  • Letras
  • Logística
  • Marketing
  • Matemática
  • Medicina
  • Medicina Veterinária
  • Música
  • Pedagogia
  • Produção Audiovisual
  • Psicologia
  • Química
  • Radiologia
  • Segurança no Trabalho
  • Serviço Social

Veja também:

Melhores faculdades privadas de São Paulo

Entendeu bem como funciona o FIES em SP? Você se encaixa nos critérios de inscrição? Conte para a gente aqui nos comentários!

Deixe seu comentário:

Versão para impressão     Enviar para um amigo