dcsimg

Vestibular em

Descubra como fazer uma faculdade semipresencial em SP­

Curso a distância não tem que ser necessariamente 100% feito pela internet.

No Brasil temos uma série de opções capazes de aliar o melhor do EAD com a parte mais legal do presencial.

São os chamados “cursos semipresenciais”, uma alternativa pra lá de interessante para quem quer estudar remotamente mas não pretende se distanciar do contato direto com professores e colegas.

Em São Paulo, pode ser a saída ideal para os interessados em fazer uma formação de nível superior com qualidade e flexibilidade!

Quer saber mais? Descubra a seguir como fazer uma faculdade semipresencial em SP, os cursos oferecidos e as instituições que contam com essa opção.

Como fazer uma faculdade semipresencial em SP

Por todo o estado de São Paulo, cerca de 180 faculdades estão habilitadas a oferecer cursos a distância.

Boa parte delas, pode ter certeza, conta com cursos semipresenciais.

Mas você sabe como fazer uma faculdade semipresencial em SP?

Bom, primeiro de tudo você precisa saber que a principal característica desse tipo de curso é a frequência de encontros presenciais.

Não é como nas faculdades tradicionais, que têm aulas de segunda a sexta, mas também não é como grande parte dos cursos EAD, que têm encontros poucas vezes ao longo do semestre.

O aluno do semipresencial terá de se deslocar semanalmente ou quinzenalmente ao polo de apoio da faculdade para acompanhar as aulas junto a professores, tutores e outros alunos.

É o momento em que são realizadas as atividades em laboratório, por exemplo, práticas clínicas, videoconferências, dinâmicas em grupo, apresentação de trabalhos, aplicação de provas e muito mais.

O modelo é obrigatório para cursos com alta carga de atividades práticas – como é o caso, por exemplo, de Fisioterapia e Nutrição.

Graduações como Pedagogia, Administração, Ciências Contábeis e Educação Física, que têm altíssima demanda no mercado nacional, oferecem o semipresencial como diferencial a quem prefere equilibrar atividades online e “in loco”.

Quer saber como funciona esse sistema? Confira a seguir!

Como funciona uma faculdade semipresencial em SP

Nos cursos semipresenciais, os alunos precisam ter disciplina para estudar a distância e disposição para acompanhar as atividades presenciais.

Durante boa parte da semana, eles vão acompanhar o andamento do curso pelo ambiente virtual de aprendizagem, utilizando-se de aulas em vídeo, bibliotecas digitais repletas de livros e textos, apresentações, animações, etc.

A qualquer momento do dia, podem recorrer a professores para tirar dúvidas, interagir com outros alunos ou consultar seu desempenho.

Depois disso, vem a parte dos encontros presenciais. Dependendo do tipo de curso, a frequência pode ir de uma ou duas vezes por semana a uma vez a cada quinze dias.

Como precisará se deslocar ao polo de apoio ou a uma unidade da faculdade escolhida, o aluno deve verificar se há opções próximas à sua casa ou ao seu trabalho.

E se você está em dúvidas quanto à validade desse formato, pode ficar de boas: os semipresenciais são reconhecidos formalmente pelo MEC. Portanto, cursos feitos em faculdades credenciadas fornecem, sim, diploma aceito no mercado – e com o qual você vai poder começar a construir sua carreira.

Cursos oferecidos pelas faculdades semipresenciais de SP

Cursos semipresenciais podem ser bem diversos. Na lista abaixo, a gente encontrou todo tipo de graduação em SP: bacharelados, licenciaturas e superiores de tecnologia.

Repare que você pode fazer desde Arquitetura até História estudando parte a distância e parte presencialmente.

Veja alguns exemplos disponíveis no estado:

  • Administração
  • Análise e Desenvolvimento de Sistemas
  • Arquitetura e Urbanismo
  • Biomedicina
  • Ciências Contábeis
  • Ciências Econômicas
  • Comércio Exterior
  • Engenharia Ambiental
  • Engenharia Civil
  • Engenharia da Computação
  • Engenharia de Produção
  • Engenharia Elétrica
  • Engenharia Mecânica
  • Estética e Cosmética
  • Eventos
  • Farmácia
  • Fisioterapia
  • Gestão Comercial
  • Gestão de Recursos Humanos
  • Gestão Financeira
  • Gestão Hospitalar
  • Gestão Pública
  • História
  • Letras
  • Logística
  • Marketing
  • Matemática
  • Nutrição
  • Podologia
  • Processos Gerenciais
  • Serviço Social
  • Terapias Investigativas e Complementares

Quanto custa uma faculdade semipresencial em SP

Os cursos semipresenciais preservam uma das grandes qualidades do EAD: o custo mais acessível!

Em algumas faculdades de peso, como a Cruzeiro do Sul Virtual, o aluno paga menos de R$ 500 para fazer graduações de alto impacto no mercado de trabalho, como Engenharia ou Arquitetura.

Em cursos mais teóricos, como Administração, pagará menos de R$ 350.

Os valores oscilam de acordo com a faculdade, mas dificilmente ultrapassam essa faixa.

E tem bolsa para curso semipresencial também, viu?

Você pode conseguir uma delas nas próprias faculdades ou recorrer a um dos tantos sites especializados em bolsas que a gente encontra facilmente pela internet.

Se tiver feito o Enem mais recente e se encaixar nos critérios socioeconômicos, terá mais chances de conseguir o benefício com a ajuda do ProUni, que abre inscrições duas vezes ao ano.

Faculdades que oferecem cursos semipresenciais em SP

Elas são muitas e, dependendo de onde você morar, pode ser um desafio encontrar a faculdade semipresencial ideal.

Mas fazer a escolha certa não tem muito segredo. O mais importante é se certificar que de a instituição é reconhecida e recebeu boa avaliação junto ao MEC. Isso garante um diploma bem visto no mercado de trabalho e abre portas importantes para o crescimento de sua carreira.

Quer algumas sugestões bem interessantes para começar? Aqui vão:

 Veja também:

As 10 faculdades mais baratas de SP

Está pensando em fazer uma faculdade semipresencial em SP? Conte para a gente nos comentários!

Deixe seu comentário:

Versão para impressão     Enviar para um amigo